SINDSEPE/RS e SINDICAIXA conclamam suas bases e participam do ato contra Bolsonaro, contra a Reforma Administrativa e pela vacina;

O Sindicato dos Servidores Públicos do Estado do Rio Grande do Sul, SINDSEPE/RS, e o Sindicato dos Trabalhadores da extinta Caixa Econômica Estadual, SINDICAIXA, conclamaram suas bases e participaram do ato realizado na tarde deste sábado (29), em frente à Prefeitura de Porto Alegre – RS, contra o presidente genocida Jair Messias Bolsonaro. O ato contou com trabalhadores e trabalhadoras de diversos setores da sociedade civil (funcionários públicos, professores, enfermeiros, trabalhadores dos Correios, entre outros). Diversos movimentos sociais mobilizaram estudantes, torcidas organizadas e até mesmo religiosos para uma marcha que se seguiu da Sede da Prefeitura até a Orla do Guaíba. Os manifestantes respeitaram os protocolos de segurança durante a marcha e usaram máscaras PFF2 e KN95. O ato lembrou as quase 460 mil mortes por covid-19 no Brasil, decorrentes da incompetência do governo Bolsonaro e de sua política negacionista e anti-vacina. Os servidores públicos e demais trabalhadores também protestaram contra a cruel e desumana Reforma Administrativa que ataca estabilidade, carreiras e concursos. “Já são quase 460 mil mortes em decorrência da Covid-19 e a responsabilidade é do presidente Bolsonaro que coloca em prática uma política genocida e de destruição dos serviços públicos, seguida também pelo governador Eduardo Leite (PSDB) e por muitos prefeitos. É urgente e necessário a organização e mobilização da classe trabalhadora mesmo com as dificuldades que o vírus nos impõem. É preciso ocupar as ruas atentando para todos os protocolos de segurança (máscaras, álcool e distanciamento) e exigir a saída do presidente do poder”, afirmou a Presidenta do SINDSEPE/RS, Diva Luciana da Costa.

📸 Fotos: Iury Casartelli

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *